Nos inícios de uma História Santa -24 de Fevereiro de 1849

Posted Fevereiro 23, 2021

Nos inícios de uma História Santa
24 de Fevereiro de 1849

Grupo de Património e Espiritualidade
Irmã Marie France Correau- rscm

Hoje podemos dar graças e celebrar a fundação da nossa Congregação dos Religiosas do Sagrado Coração de Maria, um acontecimento fundador na nossa história santa.

Dirigindo-se ao RSCM de Portugal em 2012, a Irmã K. Connell disse-lhes: “A nossa história é santa porque o Espírito está connosco e guia-nos para Deus… A transformação em Jesus Cristo é central na visão de Jean Gailhac e na espiritualidade de RSCM: ela está na dinâmica da nossa história. No nº 2 das Constituições afirmamos: “o nosso caminho na fé como Irmãs do Sagrado Coração de Maria é um compromisso total de seguir Cristo, de nos deixarmos transformar por Ele e a transformar o mundo”. Este é o segredo das nossas vidas “*.

Fundado em Béziers a 24 de Fevereiro de 1849, o Instituto RSCM foi reconhecido pelo Papa Pio IX, no seu Laudis Decretum de 1873, sem que o Padre Gailhac fosse aí mencionado como seu fundador. Kathleen Connell conta no início do Volume III “Uma Viagem na Fé e no Tempo” como, em 1879, a Madre São Félix e o seu Conselho “decidiram continuar os seus esforços para obter uma segunda aprovação do Instituto por parte da Santa Sé “** Mas quando o Decretum definitivo de 10 de Julho de 1880 chegou de Roma, houve uma grande decepção porque o nome do nosso Fundador ainda não aparecia nele! Assim, foi tomada a decisão de “ir pessoalmente a Roma para ver se algo podia ser feito. »**

O Cardeal Hohenlohe, Cardeal Protector da Congregação, organizou em 1882 uma audiência privada com Leão XIII, sucessor de Pio IX.                                                                        A Irmã Kathleen escreve: “Esta conversa íntima causou uma forte impressão no Padre Gailhac “** ao ponto de mais tarde a ter evocado numa carta dirigida às Irmãs: “Quereis obter de Deus que Ele vos dê o Espírito de Jesus Cristo seu Filho, que Ele vos torne participantes da sua vida divina. Sim, esta é a recomendação que o Sumo Pontífice Leão XIII me fez duas vezes depois de me ter felicitado pela graça que Deus me concedeu, confiando-me a tarefa de formar uma Comunidade que está muito ocupada em obter a Sua glória, trabalhando para conquistar almas e ensinando-as a conhecê-lo, a amá-lo e a servi-lo. Eis as suas palavras: “Deve ser abençoado por Deus o ter escolhido para tal obra. Pelo menos trabalhem, inspirem as vossas filhas com o espírito de Nosso Senhor Jesus Cristo. “Sabem, queridas filhas, nunca mais tive outro pensamento e tem sido desde o início, toda a minha ocupação. Mas compreendam que desde que ouvi as palavras do Vigário de Jesus Cristo, o meu coração arde com o desejo de vos ajudar de todas as maneiras a viver, de vos conduzir em tudo segundo o Espírito de Jesus Cristo” (GS 17/V/83/A).

A Irmã K. Connell enfatiza ainda: “A afirmação do Papa a Jean Gailhac foi uma graça tão poderosa para ele que a sua decepção por não ser reconhecido como Fundador no Decretum parece ter desaparecido completamente “**

*Dinamismo na História das RSCM – Manter viva a Chama Kathleen Connell, RSCM

**Uma Viagem na Fé e no Tempo Vol.III Kathleen Connell, RSCM

« Aux commencements d’une histoire sainte » 24 février 1849

 

 

Grupos Intergeracionais

Abril 15, 2024

Em 2021, a Comissão de Formação do Instituto (CFI), na sequência do inquérito realizado às Irmãs em todo o Instituto,…

Veja Mais

BEM-VINDAS AO CLA 2023!

Novembro 1, 2023

Mulheres de esperança profética, comunidades em saída É um grande prazer recebê-las nesta reunião do Conselho de Liderança Ampliado. Boas-vindas…

Veja Mais

CONGREGAÇÃO DOS MEDIA

Setembro 22, 2023

  Alegramo-nos com este dia: A 23 de setembro de 1826 Jean Gailhac foi ordenado sacerdote por Monsenhor Nicolas FOURNIER;…

Veja Mais